A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), cumpriu, na quinta-feira (29/03), mandado de prisão em razão de sentença condenatória de um pastor, 41, por estupro de vulnerável praticado contra uma adolescente, que tinha 12 anos na época em que o crime ocorreu. A prisão ocorreu em via pública no bairro Jorge Teixeira, zona leste.

Conforme a delegada Joyce Coelho, titular da unidade especializada, o crime foi denunciado na época em que ocorreu, em 2005. Na ocasião, o autor tinha 22 anos, passou a frequentar a igreja que a adolescente congregava e, no decorrer do tempo, se aproximou dela.

“O indivíduo mantinha conversas de cunho sexual com a vítima, e em um certo dia, ele levou a vítima para um local onde consumou o estupro. Após o caso ser denunciado, o processo foi tramitado e o homem estava foragido da Justiça”, contou.

De acordo com a delegada, na manhã de ontem, após constantes diligências, foi possível obter informações sobre o paradeiro do homem, ocasião que as equipes policiais se deslocaram ao local e efetuaram sua prisão.

Denúncias

A delegada Joyce Coelho ressalta que quem notar atos suspeitos, de abuso ou exploração sexual infantil, deve repassar aos números (92) 99115-1284, disque-denúncia da Depca, ou pelo 181, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM). “A identidade do informante será preservada”, garantiu a delegada.

Procedimentos

O homem foi condenado a 10 anos de reclusão em regime fechado por estupro de vulnerável e ficará à disposição da Justiça.

FOTO: Erlon Rodrigues/PC-AM

Deixe uma reposta

Por favor deixe seu comentário
Digite seu nome