Polícia Civil prende homem que vendia RG irregularmente

Nesta terça-feira (28/07), por volta das 9h, investigadores lotados no gabinete da delegada-geral Emília Ferraz, sob a coordenação da investigadora de polícia Akerna Chagas, chefe de gabinete da instituição, prenderam em flagrante Iraildo Albuquerque de Araújo, 58. O indivíduo vendia irregularmente Registro Geral (RG) e se passava por funcionário do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJAM).

Conforme a investigadora Akerna, a prisão ocorreu nas dependências da Delegacia Geral, na avenida Pedro Teixeira, bairro Dom Pedro, zona centro-oeste da cidade. Na ocasião, o indivíduo estava acompanhado de uma jovem, que ele apresentou como sobrinha dele. Ele informou que levou a jovem até a delegacia para solicitar a emissão do documento dela. Porém, comercializava o RG pelo valor de R$ 50.

“As equipes desconfiaram do indivíduo pelo fato dos sobrenomes deles serem distintos, e que provavelmente o documento dele seria falso. Ao ser questionado pelos investigadores, o homem não soube se explicar. Ele ainda se apresentava como funcionário do TJAM, inclusive estava com uma carteira de trabalho do órgão. Durante contato com a assessoria de comunicação do TJAM, verificamos que ele nunca havia trabalhado lá”, detalhou a chefe de gabinete.

Procedimentos – Iraildo foi autuado em flagrante por estelionato. Após os trâmites cabíveis no 19° DIP, ele será levado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde passará por audiência de custódia via videoconferência.

“Um Inquérito Policial (IPL) foi instaurado pelo 10° Distrito Integrado de Polícia (DIP) para apurar a participação de outras pessoas na ação criminosa, bem como investigar outras possíveis práticas delituosas efetuadas por ele em outros órgãos”, informou ela.

Fotos: Erlon Rodrigues/ PC-AM

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar