Repórter e cinegrafista são agredidos durante ‘live’ no bairro da Compensa

Ambos cobriam um homicido no local

Ao tentar fazer uma transmissão ao vivo sobre o homicídio de um homem identificado como “chupeta”, no bairro da Compensa 3, zona oeste de Manaus, a repórter Édila Chaves e seu cinegrafista, do Portal do Holanda foram agredidas por um parente da vítima. O homem arrancou o equipamento do tripé, jogou no chão e ainda tentou quebrar o celular da repórter

A equipe da oitava Cicom que atendia a ocorrência, impediu que as agressões continuasse.  Veja.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar