Polícia Civil prende homem envolvido em desvio de mais de R$ 100 mil em matéria-prima de empresa multinacional

Nesta quinta-feira (26/12), por volta das 11h, policiais civis da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), cumpriram mandado de prisão preventiva por furto qualificado e receptação em nome de Paulo Santarém Maia, 43, conhecido como “Paulinho”. O homem estava sendo investigado por participação em esquema criminoso que desviou mais de R$ 100 mil em matéria-prima de uma empresa multinacional, situada no Polo Industrial de Manaus.

Conforme o delegado Aldeney Goes, titular da Derfd, a prisão ocorreu na empresa de Paulo Santarém, situada na rua Bom Jesus, bairro Armando Mendes, zona leste da cidade. Na ocasião, também foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão na mesma empresa.

“Iniciamos as diligências e constatamos a identidade de todos os envolvidos no ato criminoso, e na última sexta-feira (20/12), conseguimos localizar e prender Fabiano Nascimento de Moraes, 36, que atuava como chefe do almoxarifado da empresa, juntamente com Janaina Alves Rodrigues, 26, que trabalhava como assistente administrativo e era responsável por realizar o desvio e repassar o material furtado para outras empresas”, explicou Goes.

Ainda conforme o delegado, em continuidade aos trabalhos, as equipes identificaram a participação de “Paulinho”, no esquema criminoso. O homem é dono de uma empresa no ramo de sucatas, localizada no bairro Armando Mendes, para onde foi levado o material subtraído da multinacional. “Durante os trabalhos policiais, conseguimos identificar a mercadoria subtraída da empresa vítima, na empresa de Paulo”, disse a autoridade policial.

O mandado de prisão preventiva em nome de Paulo foi expedido no dia 19 de dezembro de 2019, pela juíza Careen Aguiar Fernandes, da Central de Plantão Criminal.

Procedimentos – Encaminhado ao prédio da Derfd, Paulo foi indiciado por furto qualificado, receptação e associação criminosa. Ao término dos procedimentos cabíveis na especializada, ele será levado para audiência de custódia, no fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul da capital.

FOTO: Divulgação/PC-AM

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar