Home / Cidades / Mais de 100 mudas de árvores em crescimento são destruídas às margens do Igarapé do Mindu

Mais de 100 mudas de árvores em crescimento são destruídas às margens do Igarapé do Mindu

O trabalho de recuperação vegetal de áreas degradadas desenvolvido pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), sofreu um duro golpe na manhã desta quarta-feira, 2/10, com a destruição de mais de 100 mudas de árvores que estavam em crescimento às margens do Igarapé do Mindu, no trecho entre a Ponte da Colina do Aleixo e o São José, na zona Leste. A área, de aproximadamente 800 metros lineares, amanheceu com as mudas arrancadas e roubadas. No lugar, foi deixado também um amontoado de resíduos. As mudas estavam plantadas desde junho do ano passado, com altura variando entre 1,80 m e 2 m.

No local, haviam espécies florestais e frutíferas, entre as quais mungubarana, pau-pretinho, jutairana, açaí e cupuaçu, com a finalidade de recompor a vegetação da Área de Preservação Permanente (APP) do Igarapé do Mindu. A recuperação vegetal de APPs é uma das vertentes do projeto Arboriza Manaus, desenvolvido pela Semmas, com a finalidade de realizar o plantio de mudas de árvores em passeios públicos, canteiros centrais, rotatórias, parques e praças, visando a recomposição da arborização urbana.

A presença da vegetação em APP tem importância fundamental para a manutenção da estabilidade e da fertilidade do solo, bem como do lençol freático. Além disso, produz alimento para a fauna, serve como área de fluxo gênico para espécies animais e vegetais, ameniza a sensação térmica e melhora a qualidade do corpo hídrico. A área deverá ser replantada até o final do ano. Uma equipe de Educação Ambiental irá ao local para desenvolver uma ação de sensibilização junto aos moradores da área.

De acordo com o secretário municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Antonio Nelson de Oliveira Júnior, a área vem sendo alvo de intervenções do Programa de Recuperação Ambiental e Requalificação Social e Urbanística do Igarapé do Mindu (Promindu), desenvolvido pela Prefeitura de Manaus. “O programa já realizou desapropriações e diversas intervenções na área. O plantio, por sua vez, faz parte do processo de revitalização e vai trazer muitos benefícios para os moradores. Infelizmente, enfrentamos esse tipo de desafio”, afirmou. Na área, a Prefeitura deverá também instalar parques lineares para reforço na proteção da APP.

Veja Também

Justiça determina bloqueio de bens de ex-prefeito de Novo Aripuanã (AM) após ação do MPF

Atendendo a pedido do Ministério Público Federal (MPF) no Amazonas, a Justiça Federal determinou, em ...

Auditor do TCE suspende contrato de R$ 2 milhões da Prefeitura de Lábrea

O auditor  do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), Luiz Henrique Mendes, suspendeu, por meio de medida ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Content is protected !!