Home / Destaque / Prefeitura vai realizar Dia “D” contra o sarampo

Prefeitura vai realizar Dia “D” contra o sarampo

Crianças da faixa etária definida pela Prefeitura de Manaus como prioritária para receber a vacina tríplice viral – de 6 meses a 5 anos, 11 meses e 29 dias – serão o público-alvo de uma mobilização a ser coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). A campanha municipal de vacinação contra o sarampo, também chamada de “Dia D”, será realizada no próximo dia 14 de abril, das 8h às 17h, em 500 postos, que incluem todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e locais de grande circulação de pessoas.

“Estamos utilizando todos os recursos para conter o avanço do sarampo em nossa cidade. Teremos um dia inteiro dedicado a vacinar nossas crianças, independentemente da situação vacinal. E isso se aplica a todas que não tomaram a vacina nos últimos 30 dias. É orientação do prefeito Arthur Virgílio Neto intensificarmos cada vez mais nossas ações para quebrarmos a cadeia de transmissão. E a vacina é o meio mais eficaz para isso”, explica o secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi. Segundo ele, não há previsão de prorrogação da campanha na qual deverão trabalhar 2,5 mil servidores da Semsa.

Dados de 2017 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que, em Manaus, a população na faixa etária prioritária é de 211.787 crianças. A meta da campanha é alcançar pelo menos 95% deste público, o equivalente a 201.198 crianças. Para isso, a Semsa recebeu do Ministério da Saúde (MS) 250 mil doses da tríplice viral.

Todas as crianças da faixa etária prioritária deverão receber a vacina, independentemente da situação vacinal, com exceção das crianças que receberam esta vacina há menos de 30 dias, devendo aguardar o intervalo de um mês para receber a dose de campanha. Pais ou responsáveis devem comparecer com as crianças ao posto de vacinação mais próximo de casa, com a caderneta de vacinação para avaliação da situação vacinal.

A tríplice viral é contraindicada a quem tem alergia grave ao ovo de galinha; alergia a proteína do leite de vaca; e crianças em tratamento com medicamento imunossupressor.

Texto: Divulgação / Semsa

Veja Também

Narcotraficante preso no Nordeste coordenava ações criminosas no Amazonas, diz Seai

Apontado como líder de uma facção criminosa que atua no Amazonas e ligado a diversos ...

Urgente: Após morte de motorista, ônibus são recolhidos e protesto anunciado para esta sexta

Após o assalto ao ônibus da viação São Pedro que terminou com a morte do ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Content is protected !!