Home / Saúde / Prefeitura de Manaus e Fórum de OSC Aids Amazonas preparam atividades

Prefeitura de Manaus e Fórum de OSC Aids Amazonas preparam atividades

 

 Manaus vem registrando, desde 2014, uma queda no número de notificações de casos de Aids em crianças menores de 5 anos, ou seja, que foram contaminadas pela mãe durante a gravidez, a chamada transmissão vertical. Naquele ano foram registrados 21 casos. No ano seguinte, esse número caiu para 11. Em 2016 foram seis casos e este ano, até o mês de novembro, quatro casos.

 O secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi, explica que essa redução é resultado de uma ação que começa na Atenção Primária. “Desde que as gestantes iniciam o acompanhamento pré-natal em nossas Unidades Básicas de Saúde, realizam, entre os exames de rotina, a testagem rápida para HIV. Os casos positivos são encaminhados para um dos nossos quatro serviços de acompanhamento especializado em IST/Aids, onde começam a receber o tratamento antirretroviral conforme estabelece o protocolo do Ministério da Saúde, que se estende até após o parto”, ressalta Magaldi.

 Esses e outros avanços na área de prevenção serão intensificados durante o “Dezembro Vermelho”, mês de conscientização da necessidade de prevenção à Síndrome da Imunodeficiência Adquirida(Aids). Em alusão ao Dia Mundial de Luta Contra a Aids,  a Coordenação Municipal de Controle e Prevenção das IST/HIV/Aids, da Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) realizará no período de 1 a 8/12, uma campanha que tem como slogan “Aids: um novo olhar para o cuidado”.

 Na próxima sexta-feira, 1/12, a partir das 15h, no Largo de São Sebastião, Centro, será realizada uma grande mobilização com ampla programação para chamar atenção da sociedade.  O tema deste ano foi definido com as Organizações da Sociedade Civil (OSC), entre elas o Fórum de Combate ao HIV/Aids.

 O objetivo da mobilização é alertar a população sobre a importância do cuidado na atenção à saúde das pessoas vivendo com o HIV, além de atuar na intensificação das ações de prevenção e mobilização social da população para o tema. O lançamento oficial das atividades da campanha será coordenado pelo Fórum OSC Aids Amazonas e Semsa.

 Unidades Básicas de Saúde

 As atividades da campanha ocorrerão em 147 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), com um total de 900 servidores envolvidos e contarão, ainda, com a participação das Organizações da Sociedade Civil (OSC) com a intenção de atingir os usuários das redes de saúde da Semsa e a população em geral. No período da campanha, no âmbito do município, será desenvolvida ampla programação com ações de prevenção nas UBSs, Estratégias Saúde da Família (ESF), Policlínicas e em locais públicos.

 Além disso, serão realizados testes rápidos para HIV, sífilis e hepatites B e distribuídos preservativos masculinos, femininos e gel lubrificante. A organização também vai apresentar banners com ações das OSCs e de pesquisas sobre HIV/Aids. Haverá, também, a exposição fotográfica “Visibilidade PositHIVa” e grafitagem.

 “Em ações como esta, há um aprendizado que deve ser valorizado por meio das interlocuções com a sociedade, pois a partir do conhecimento e das experiências dessas organizações fortalecemos a implantação da Política de Saúde e projetos voltados para as ações em HIV/Aids e outras ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis)”, pontua Magaldi.

 HIV em Manaus

 Considerando o número de casos novos de HIV/Aids em adolescentes e adultos (maior ou igual a 13 anos), em 2016 foram notificados em Manaus 1.742 casos de HIV/Aids, 1,1% a mais que em 2015, com aumento de 3,1% no número de casos em adolescentes de 13 a 19 anos (132 casos, contra 128 casos do ano de 2015).

 Em Manaus, nos anos de 2015 e 2016, os casos entre adolescentes responderam por 7% do total de casos, porém, desde o ano de 2013 os casos entre adultos jovens de 20 a 29 anos respondem por aproximadamente 40%, e entre os de 30 a 39 anos, por 30%.

 Teste rápido

 Atualmente é ofertado o teste rápido de HIV em 147 unidades de saúde da Semsa. Em 2016, essas unidades realizaram 48.837 testes rápidos para HIV. Esse número representou um aumento de 171,6% em relação a 2015 (com 28.466 testes realizados) e representou também 32% do total de testagem para HIV (sorologia + teste rápido) realizada em todos os estabelecimentos de saúde do município. A Semsa, em 2016, distribuiu aproximadamente 5,6 milhões de preservativos masculinos.

 Notificações em crianças

 Uma queda no número de notificações de casos de Aids em crianças menores de 5 anos, ou seja, que foram contaminadas pela mãe durante a gravidez, foi registrada desde de 2014, quando foram detectados 21 casos em Manaus, um ano depois foram 11 casos, em 2016, seis casos registrados e este ano, até agora, 4 casos.

Veja Também

Serviços de mamografia e raio-x são reativados, na FCecon

 A Secretaria de Estado de Saúde (Susam) informa que já estão funcionando, na Fundação Centro ...

Semsa participa do Dia ‘D’ de combate ao mosquito aedes aegypti

 A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) se integrou ao grupo de gestão de saúde formado ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!